domingo, 8 de agosto de 2010

Cuidado com o prejuízo político!!!

Ex-tenistas brasileiros famosos reagiram fortemente contra uma colocação do Lula a um adolescente que questionava a não existência de tênis em um complexo desportivo no seu bairro. A revolta dos ex-tenistas tem sim razão de ser, mas não pode ficar limitada à colocação do Lula que qualificou o tênis como um esporte de burguês.
O adolescente, orientado ou não por terceiros, foi ao encontro do Lula quando este visitava um compelxo esportivo, em companhia do Governador do Rio, o senhor Sérgio Cabral. O adolescente filmou a sua conversa, mais discusão do que conversa, e registrou também os comentários entre o Lula e o Sérgio Cabral quando o primeiro, depois de ter indicado que o garoto adotasse a natação em vez do tênis de burguês, ouviu do adolescente que a população não tinha acesso à piscina.
O Lula, preocupado com o prejuízo politico com esta falta de acesso da população, orienta Cabral para que coloquem policiais ou bombeiros e deixem a população usfluir da piscina...tudo pelo prejuízo politico!!!
Mas pior do que as colocações do Lula, foi o comportamento do Cabral.
Vejam o video que roubei para aqui coloca-lo.


video

4 comentários:

  1. Não vejo nada de mais neste vídeo, um ar de descontração e gírias cariocas entre um "CARA" conhecido mundialmente e um "menino" que está ali para alfinetar Cabral. Cabral é esperto e sacou logo que a do "menino" era "sacanear" o seu governo.

    ResponderExcluir
  2. Com um certo receio de ficarmos na interpretação da "semantica" do palavreado usado, alerto que não é a giria e a descontração que questiono no Lula ou se o Cabral é esperto ou menos esperto.
    Na descontração e informalismo que tanto admiro no Lula, o que não gostei foi perceber que o alerta que o mesmo dá aos assessores do Cabral para que abram o complexo esportivo à população não é, nas suas palavras, baseado na preocupação de se democratizar o acesso da população a este espaço, e sim sobre o receio do prejuízo político que poderão ter se a imprensa vier a perceber o que está acontecendo.
    Já sobre Cabral, que tenho que admitir que não sou o seu maior fã, ainda que esteja convencido que no Rio já passou gente bem pior, acreedito sim que ele tenha percebido que o garoto chegou ali com o intuito de desmascarar algo aproveitando a presença do Lula. Se ele acha que isso era uma "sacanagem", é uma interpretação um tanto emocional para um politico que se acredita esperto. No minimo tinha que ouvir o que o garoto tentava dizer, e não tentar fazer que o mesmo se calasse e ficasse simplesmente qualificado como um sacana. A reação do esperto Cabral só me deixou mais convencido que o garoto, instruido ou não por terceiros, tinha razão em tentar desestruturar a esperteza do Cabral.

    ResponderExcluir
  3. O nível do palavreado escolhido pelo Cabral para contestar o argumento do garoto, sendo gíria ou não, deveria ser mais elevado. Pois se ele gota do "otário", que use com os "moleques" da turma dele.
    Concordo contigo ZP.

    abraço
    Tó Maria

    ResponderExcluir
  4. Pois, TM!
    Eu também, como tu, vejo que uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa. rssss...
    Abração,
    ZP

    ResponderExcluir